SQL SERVER PROFILER – EXECUTANDO TRACE COM FILTRO

Neste post vou mostrar um pouco como utilizar o SQL Server Profiler com filtros.

Muitas vezes precisamos monitorar as execuções de um determinado banco de dados e até mesmo de algum objeto específico. Podemos utilizar o SQL Server Profiler para capturar as informações de um banco de dados específico filtrando por objeto, tempos de execuções, leituras, escritas, cpu, etc.

Para este exemplo iremos trabalhar como seguinte cenário: precisamos monitorar a execução de uma View  chamada vJobCandidateEducation que está em execução no banco de dados AdventureWorks2012.

  • Abrir o SQL Server Profiler;
    1
  • Conectar na instância;
    1
  • Para este exemplo utilizarei o template padrão;
    1
  • Selecionar Event Selection;
    1
  • Desmarcar as opções dos grupos Security Audit, Sessions e TSQL>SQL:BatchStarting;
    1
  • Selecionar Show all columns;
    1
  • Buscar o ID do banco de dados;
    1
  • Selecionar Database ID;
    1
  • Clicar em Columns Filters;
    1
  • Selecionar DatabaseID e informar ID do bando de dados no filtro;
    1
  • Selecionar TextData, informar no nome do objeto entre “%” no filtro e clicar em Ok;
    1
  • Clicar em Run;
    1
  • SQL Server Profiler em execução.
    1

Em uma New Query  vamos ter três execuções de Views, porém só aparecerá no trace a execução da View que colocamos no filtro.

1

SQL Server Profiler após a captura da execução:

1

Até mais!!!

REALIZANDO CONSULTA EM ARQUIVO DO SQL SERVER PROFILER (.TRC) COM A FUNÇÃO FN_TRACE_GETTABLE()

Neste post demonstrarei como realizar consulta em arquivos gerados pelo SQL Server Profiler.

Muitas vezes coletamos as informações que estão em execução no SQL Server através da ferramenta SQL Server Profiler, porém quando necessitamos realizar filtros e ordenamentos na console no do SQL Server Profiler encontramos algumas limitações.

Vale lembrar que podemos gerar um trace armazenando em uma tabela, o que também oferece o recurso de filtros e ordenações dos dados coletados. Mas vamos supor que um cliente está com problema em seu banco de dados e lhe envia um trace. Se for analisar diretamente na console do SQL Server Profiler passará um grande trabalho até analisar todas as informações.

Segue uma dica de como consultar informações contidas em um arquivo gerado pelo SQL Server Profiler (TRC).

Abaixo arquivo de trace (SQL Server Profiler):
1

Para consultar as informações no arquivo de trace do SQL Server Profiler podemos utilizar a função fn_Trace_Gettable().

Abaixo segue exemplo de como ler as informações contidas no arquivo de trace:
1

Até mais!!!